Vacina

May 9, 2020

      Inventaram a vacina. Eu tomei. Mamãe tomou. Vovô tomou. Você tomou. A vida voltará ao seu normal. Mas será que é normal?

      Acordar uma hora mais cedo para enfrentar o trânsito para o trabalho? Tomar o café da manhã correndo (talvez um café preto e um cigarro)? Mal ver o filho e o marido e se enfiar dentro de uma academia com ar condicionado? Colocar um salto alto e uma saia apertada? Ficar horas em reuniões que poderiam durar 15 minutos? Pegar H1N1 no elevador de um prédio comercial? Almoçar um wrap vegetariano na tentativa de não engordar e se alinhar com a causa? Depois correr para pintar a raiz branca e as unhas de vermelho? Ficar horas no whatsapp e no Instagram atrás de uma Live da Marília Mendonça? Não ter tempo para ver os amigos? Inspirar gás carbônico e expirar a camada de ozônio? Beber e fumar pra aliviar a dor? Tentar meditar no carro, comendo um chocolate pra não desmaiar de fome? Ouvir a CBN e se revoltar que a quarentena passou, mas o presidente não? Aumentar os antidepressivos? Sentir saudades de ficar em casa? Chegar em casa exausta e requentar um strogonoff (com cogumelos-borracha)? Assistir um único episódio de uma série incrível e sentir falta de quando assistia 3 ou 4 em quarentena? É normal dormir sabendo que amanhã vai ser tudo igual?

 

Share on Facebook
Please reload

Recent Posts

June 29, 2020

June 3, 2020

May 9, 2020

April 27, 2020

April 21, 2020

Please reload

Arquivo
Please reload

© 2017 by Bia Garbato